Entrega de Faturas.


          Entrega de Faturas! Muita se fala e pouco se vê. É a parte, digamos, menos glamorosa do faturamento.   Geralmente contratamos uma empresa de entregas rápidas. Muito lugares possuem o office-boy, auxiliar administrativo, faz-tudo, continuo e até alguns faturistas fazem o trabalho de entregas. Enfim, seja lá como se chame, entregar faturas sempre foi a parte mais chata do trabalho. Talvez seja por causa do sol, da chuva, do frio ou do calor. 

            Bom, ontem eu me aventurei nas ruas do Rio de Janeiro para fazer as entregas do meu faturamento. Nas ruas não. Nos trilhos, porque ir da zona norte ao centro do Rio está impraticável de ônibus. Apesar que a passagem do metrô também não é nada animadora, R$ 4,10. Foram só convênios pequenos, mas, foi duro.
            Minha primeira parada foi a Sul América. Vazia e bem fresquinha. Com um calor acima dos trinta e quatro graus do lado de fora, a minha breve passagem por lá foi muito prazerosa. GEAP e Eletros a mesma coisa, vazios. Eu fiquei me perguntando: onde está esse povo.


           Encontrei todos na Unimed Rio. Estava lotada! A Unimed Rio está fazendo uma reformulação no modo de envio de faturas. A operadora está implantando o faturamento 100% eletrônico para os
cooperados, sem a necessidade de entrega de guias físicas. A implantação deve ser concluída no mês que vem. A operadora vem fazendo cursos gratuitos para as secretarias e os faturistas dos cooperados a um bom tempo, mas, todos sabem que sempre tem resistência.

            O faturamento eletrônico da Unimed para os cooperados englobava as consultas e os procedimento. As Guias de Honorário Individual (GHI) ainda eram feitas manualmente e entregue em algum posto de atendimento da Unimed. Mas, parece que agora até as GHI serão eletrônicas. Um avanço e uma melhora significativa, já que não será necessário mais se deslocar até um posto da Unimed.
        Minha saga continuou pela Saúde Caixa que estava lotadíssima no novo endereço. Na Mediservice, uma parada 

obrigatória para um cafezinho. Mas, a minha maior dificuldade foi a Caberj.

          Eu tive que pegar um jatinho, um ônibus e um camelo para chegar lá. Brincadeiras à parte, para quem não está acostumado a ir muito distante do centro do Centro do Rio, Catumbi me complicou.
         Eu achei que o novo endereço de entregas de faturas da Caberj ficou muito na contramão de todos os outros convênios que eu entreguei. O local ainda estava em reformas, e, como não tem nenhum letreiro indicando, foi meio estranho entrar lá. Não tenho dúvidas que depois de uns dois ou três meses, todos já estarão acostumados.
           Essa foi a minha aventura de hoje. Eu vi muitas outras coisas que não cabem nesse texto, certamente estarão em textos futuros. Só fiz um panorama do meu dia. Estou exausto! O Faturamento nosso de cada dia é fichinha perto do que os entregadores passam.
            Até o próximo texto, e, não se esqueçam de curtir e compartilhar!

Comentários

  1. Bom dia , pelo que sei a caberj não é mais entregue no catumbi. mudou o local para copacabana

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, este mês eu entreguei o faturamento da Caberj e Integral em Bangu, pois no site informou novos endereços de entrega provisoriamente, cheguei tinham algumas pessoas , mad foi tranquilo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.

Não Encontrou o que Procurava? Pesquise Aqui!

Top 10 da semana!

Faturamento, o fim