O Faturamento está OFFLINE

Não leia este texto em hipótese alguma pois, o seu emprego e a qualidade do seu trabalho podem ser diretamente influenciadas por isso.

Qual a primeira coisa que você faz quando chega no Faturamento? 

Se a sua resposta foi: olhar se tem alguma mensagem no seu celular; seu trabalho está seriamente ameaçado.

Sim! É verdade que os smartphones se tornaram muito importantes em nossas vidas e são a principal maneira de comunicação que utilizamos em nosso cotidiano.

Saímos de casa e deixamos para trás: marido, esposa, filhos, um parente doente, preocupações e o smartphone é o único elo de ligação que temos com este outro mundo.

Contudo, com a infinita gama de ofertas que este mundo digital tem a oferecer, acabamos nos distraindo e olhando mais do que apenas mensagens de familia.

O que fazer quando chegar no Faturamento.

O setor de faturamento é bem dinâmico e agitado, portanto, precisamos focar cem por cento em nosso trabalho.

Ao chegar no setor, precisamos checar as saídas que ocorrerão no dia e as que ocorrerão no dia seguinte, verificar se há alguma pendência do dia anterior, ligar o computador, acessar o sistema e começar a trabalho.

Se você tem a necessidade de se comunicar com a sua família, por algum motivo, exponha a sua necessidade para o seu supervisor direto mas, não fique toda hora olhando o bendito do smartphone.

Grupos de Trabalho

faturamento hospitalar
A tecnologia facilitou muito a nossa comunicação no que diz respeito a aplicativos de mensagens instantâneas.

Além de podermos criar grupos para os setores específicos da empresa, podemos nos conectar  com profissionais da mesma área de atuação que a nossa, mas, que estão em outros lugares do Brasil e do mundo.

Em um ambiente de trabalho muito grande, não precisamos mais nos deslocar para falar com determinada pessoa. Basta apenas enviar uma mensagem.

Porém, até que ponto essa "facilidade" é um benefício ou um malefício?

Quando as relações no ambiente de trabalho se tornam longas, duradouras e saldáveis, inicia-se um processo de intimidade entre os colaboradores da equipe, onde é comum nascerem relações de amizade migrando para o âmbito pessoal.

Leia também:

As pessoas tendem a não saber lidar com situações onde a fronteira do profissional e pessoal é uma linha muito tênue, tornando essas relações praticamente uma só.

Os grupos do trabalho tendem a "chover" de mensagens de bom dia, piadas, posicionamento politico e fotos de crianças comendo e isso, no horário de trabalho.

Se o grupo for estritamente de trabalho, crie regras simples onde isso fique muito bem definido. Se você quer conversar com os seus amigos de trabalho sobre assuntos pessoas, chame no privado ou crie um grupo para falar bobagens.

Mas, aonde entra o Faturamento nisso tudo?

Um estudo realizado pela universidade de Aachem na Alemanha, revelou que o ser humano NÃO consegue realizar duas tarefas ao mesmo tempo.

O estudo submeteu 96 pessoas, metade homem e metade mulher, a dois testes: no primeiro, as pessoas precisavam realizar tarefas simultâneas; no segundo, realizar tarefas sequenciais, onde tinham que trocar de tarefas rapidamente.

O estudo concluiu que o cérebro humano alterna rapidamente entre várias tarefas, dando a falsa sensação de simultaneidade.

O grande problema é que esse alternar rapidamente e repetidamente, acabar por sobrecarregar os recursos cognitivos do cérebro, diminuindo a sua atenção.

E se nesse alternar entre conta médica e tela do smartphone, negligenciarmos medicamentos, materiais, procedimentos e taxas? Qual seria o impacto financeiro para a instituição? Qual seria o impacto financeiro para você, funcionário?

Você seria capaz que ignorar uma notificação do seu smartphone? 

Se você chegou até aqui, a resposta é NÃO! 

Volte ao inicio deste texto e leia o pedido que eu fiz a você.

#faturamentohospitalar

Comentários

Não Encontrou o que Procurava? Pesquise Aqui!

Top 10 da semana!

Faturamento, o fim

Raio X Cotovelo na CBHPM.