O que é uma Glosa? Parte 3

O que é uma glosa? Parte 3
Continuando a nossa serie de textos sobre Glosas, hoje, nós vamos falar sobre a glosa Linear.

O que é Glosa Linear?

A glosa linear, é aquela gerada pela operadora de saúde sem qualquer justificativa. Mesmo que o prestador tenha enviado o faturamento completamente correto e tenha atendido a todas as exigências contratuais.

Essas glosas podem vir disfarçadas de glosas técnicas ou administrativas ou, simplesmente, com um código de mensagens reservadas descrito como "outros".

Porque as essas glosas ocorrem?

É um assunto muito complicado de se comentar porém, vou tentar resumir um pouco sobre os aspectos que podem levar às operadoras de saúde à registrarem este tipo de glosa.

As operadoras de saúde investem pesado em tecnologia e na capacitação de seus funcionários, tanto na parte assistencial, quando no administrativo e, em especial, na análise e auditoria de contas médicas.

O que ocorre é que grandes empresas, como as operadoras de saúde, precisam manter o seu fluxo de caixa em um patamar estável e acabam lançando mão deste recurso de não pagamento, que é a glosa.

Imagine o cenário em que a operadora de saúde precisa te pagar R$ 100.000,00 em maio e ela decide te aplicar uma glosa linear de R$ 50.000,00. 

Pelas regras da operadora, o recurso só pode ser realizado do 1° ao 15° dia do mês subsequente ao pagamento e ela terá 90 dias para analisar o recurso.

Leia também:

Pois bem, você realizará o recurso de glosas em junho e a operadora terá até setembro para analisar o seu recurso. Se tudo correr bem, você receberá os R$ 50.000,00 em outubro.

Você percebeu que a operadora conseguiu segurar R$ 50.000,00 em seu caixa por, no mínimo 5 meses?

E se esse valor for multiplicado por uns 100 credenciados? (R$ 5.000.000,00)

E se desses 100 credenciados, metade não dispor de funcionários para realizar a revisão das glosas e simplesmente não recorrer esse valor? (R$ 2.500.000,00) 

Conseguiu entender a jogada financeira e a "brecha contratual" para o não pagamento de valores faturados?

Como se proteger destas glosas?

Não existe uma maneira de se proteger deste tipo de glosa pois, em algum momento você será sorteado e receberá este "presente". Porém, existe maneiras de tentar evitar ao máximo que elas aconteçam.

A primeira dica que eu tenho para você é: RECORRA! RECORRA! RECORRA!

As vezes o profissional vê um glosa ínfima, que até cabe recurso, mas, que não vale a pena o esforço de recorrê-la. VOCÊ ESTÁ ABSURDAMENTE ERRADO!

Elas geralmente começam assim e quando a operadora percebe que o credenciado não recerre aquele tipo de glosa, ela só vai aumentando, criando um ralo descontrolado de perdas na empresa.

Por esse motivo acompanhe sistematicamente e constantemente as glosas.

Segunda dica que chega a ser meu mantra: ESPECIALIZAÇÃO!

Estudar é extremamente necessário. Cursos, palestras, workshop... Enfim, esses eventos não servem apenas para você aprender com o instrutor mas, ajudam você a criar contatos com outros profissionais, com outros tipos de experiencias que podem te ajudar e entender melhor o faturamento.

Terceira dica é sobre sistemas: ter um sistema de faturamento bem parametrizado e formatado com todas as normas contratuais das operadoras as quais você é credenciado ajuda a diminuir consideravelmente as glosas.

O controle é a chave.

Quando você tem todo o controle do processo de cobrança das contas médicas de sua empresa, você vai conseguir identificar as glosas com mais rapidez e saberá exatamente que providencia deve tomar para recorrê-la.
-----
Eu espero que eu tenha te ajudado neste texto. Deixe seu comentário abaixo, contando alguma experiencia que você já teve para ajudar outros profissionais. 

#faturamentohospitalar
#faturamentomedico
#glosas

Comentários

Não Encontrou o que Procurava? Pesquise Aqui!

Top 10 da semana!

Faturamento, o fim

Superfaturamento