A Equipe Médica na Guia de Honorário Individual

Cirurgião, primeiro auxílio, segundo auxilio, instrumentador... A equipe cirúrgica tem vários profissionais, e, quando cobramos uma cirurgia, devemos fazer uma guia para cada um deles. 

Neste texto, vamos explicar como preencher os campos de 29 a 36 da Guia de Honorário Individual.

Estes campos estão relacionados com os procedimentos realizados e, cada campo de profissional executante preenchido, refere-se a um campos de procedimento realizado.



Campo 29 - Seq.Ref
Este campos relaciona o profissional executante ao procedimento executado.

Quando preenchemos 01, informamos que aquele profissional realizou o procedimento da posição 01 do campo 17 e assim por diante como no exemplo abaixo:

https://media.learncafe.co/courses/8192/images/seqref.png

Campo 30 - Grau de Participação.
Como já vimos antes, em uma equipe cirúrgica, temos vários profissionais trabalhando. Como, então, saber quem foi o cirurgião, o auxílio, o instrumentador? Simples:

00 - Cirurgião
01 - Primeiro Auxiliar
02 - Segundo Auxiliar
03 - Terceiro Auxiliar
04 - Quarto Auxiliar
05 - Instrumentador

Usamos estas numerações para identificar os profissionais no campo 30.

Assim, as operadoras de saúde saberão quem realizou os procedimento.

Além desses, também é muito comum ver: 12 - Clinico e 11 - auxiliar SADT, que geralmente não são cobrados junto com a equipe cirúrgica.
Campo 31 - Código na operadora/CPF
Este campo é destinado ao CPF do profissional executante. Mas, também, é muito comum as Operadoras de Saúde cadastrarem os médicos com códigos próprios. Neste caso, não devemos inserir o CPF do médico e sim o código que a operadora fornecer.

Campo 32 - Nome do Profissional
Neste campo, devemos inserir o nome do profissional.

Campo 33 - Conselho Profissional
Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, dentistas... Cada uma destas profissões têm conselhos.

Esses conselhos são responsáveis por registrar e habilitar os profissionais a exercerem o seu trabalho, e também, por fiscalizar o cumprimento da legislação pertinente a sua profissão.

Na GHI, no campo 33, identificamos os conselhos por números. Cada conselho tem o seu número, conforme a tabela abaixo:
https://media.learncafe.co/courses/8192/images/conselho%20profissional.png

Campo 34 - Número no Conselho
Os conselhos de classe, ao registrarem seus profissionais, identificam eles com uma numeração. Como uma espécie de número de identidade. É essa numeração que devemos inserir nesse campo.

Campo 35 - UF (Clique aqui e faça download do arquivo)
Cada estado brasileiro é identificado por um código de dois dígitos. É esse Código, que devemos inserir no campo 35.

Campo 36 - Código CBO (Clique aqui e faça o download do arquivo)
O Cadastro Brasileiro de Ocupações (CBO) cataloga todas as profissões habilitadas a serem exercidas no Brasil. Cada profissão tem o seu código, assim, cada especialidade médica tem o seu código próprio. Anexado a esta aula, o arquivo disponibiliza todos os códigos CBO da classe médica.

Comentários

  1. Adorei a explicação, é ótimo vcs disponibilizarem esse material, ajuda e muito no faturamento e análises de contas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado pelo comentário é muito importante para nós.

      Excluir
  2. Estou com duvida a respeito de procedimento de fisioterapia, a opeadora esta cobrando o preenchimento, qual o grau de participação colocar se é auxiliar sadt.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.

Não Encontrou o que Procurava? Pesquise Aqui!

Top 10 da semana!

Synvisc One pela Sul América PASSO A PASSO

Faturamento SUS - O que é SIGTAP?