Esquecer é permitir, lembrar é combater.


Hoje, 18 de maio, é o dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.



A campanha é realizada pelo Comitê Nacional de Enfrentamento à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e ECPAT Brasil, em parceria com a SNDCA, o Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), Polícia Rodoviária Federal e ChildHood.

Leia também:

A data foi escolhida como dia de mobilização contra a violência sexual porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. A proposta do “18 DE MAIO” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes. 


Apenas no ano de 2014 foram registradas 24.575 denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes no Brasil. Desses casos, 19.165 foram de abuso e 5.410 de exploração sexual infantil. Nós não podemos permitir que nossas crianças e adolescentes sofram mais com esse tipo de crime.

No Brasil, nós temo o disque 100 que é um serviço criado pela Secretaria de Direitos Humanos da presidência da Republica e funciona diariamente das 8h as 22h, inclusive ao nos feriados. A LIGAÇÃO É GRATUITA! E o anonimato é garantido.

De Março de 2003 a Março de 2011, o dique 100 recebeu 52 mil denuncias de violência sexual contra Crianças e Adolescentes. Não vamos ficar inertes contra esse tipo de crime, Denuncie!

Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente

61 2027-3225

61 2027-3160


Comentários

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.

Não Encontrou o que Procurava? Pesquise Aqui!

Top 10 da semana!

Raio X Cotovelo na CBHPM.